Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vida de Desempregada

Um blogue de lifestyle para todos os orçamentos!

Proteger para durar

 Foto: Graziela Costa

 

Quem me conhece bem sabe que sou super fã dos lenços dos namorados de Viana, até porque em minha casa há de tudo com isso: imanes, canecas, panos de cozinha (que eu até já mostrei no blog), tabuleiros, entre outros. A verdade é que oferecendo-me isso não há risco de eu não gostar. Quando vou aos CTT vejo sempre coisinhas na montra, e depois de receber os óculos Firmoo, achei que ter uma caixa de proteção seria algo indispensável, e pronto, lá veio o vício. 

 

 Foto: Graziela Costa

 

Quem comercializa estes produtos nas estações de correio, em lojas de artesanato, em museus e aeroportos é a Terra Lusa, uma empresa portuguesa que apresenta várias colecções de produtos onde cada referência é um tributo ao património cultural português.

 

Nesta imagem apresento-vos o meu velhinho saco de compras reutilizável, que me acompanha para todo o lado há alguns anos, que me foi oferecido, tal como o pano dos óculos, por uma amiga da minha mãe.

 

Sou fã de sacos recicláveis, primeiro porque não estamos a pagar sacos desnecessários no supermercado e segundo porque estamos a poupar no ambiente. É sem dúvida algo útil e é algo que ofereço de prenda aos meus amigos regularmente.

 

 

 

Além dos objectos que vos mostrei anteriormente, as colecções da Terra Lusa também são compostas por relógio, chapéu de chuva e leque. Suspeito que, brevemente vou perder a cabeça e comprar um guarda chuva destes.

 

 

Como eu gosto mesmo destas coisinhas, contactei a Terra Lusa e eles têm para oferecer a um(a) leitor(a) do Vida de Desempregada: um pano de micro fibra e um eco saco da colecção "Lenços de Namorados". Para se habilitarem basta seguirem os passos do formulário abaixo.

 

Atenção, este passatempo é apenas válido para residentes em Portugal.

 

a Rafflecopter giveaway

 

 

Graziela

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

18 comentários

Comentar post

Pág. 1/2