Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vida de Desempregada

Um blogue de lifestyle para todos os orçamentos!

Uma visita ao Italian Burger & Lobster House

_SAM8451-38.JPG

Fotos: Graziela Costa

 

Descobrir novos espaços e provar novos sabores é uma das coisas que mais gosto de fazer e mesmo quando estava desempregada, pelo menos uma vez por mês gostava de ir experimentar um novo restaurante/café. Pois quer fosse uma refeição de preço médio ou barato era algo que me fazia sentir "normal", era uma recompensa pelo esforço que tinha feito naquele mês. Claro que, agora que estou a estagiar e tenho um cartão de refeição tem sido mais fácil conhecer novos espaços, por isso hoje escrevo-vos sobre um dos últimos espaços que tive a oportunidade de experimentar e entretanto repetir: o Italian Burger & Lobster House. Um restaurante situado mesmo junto ao Largo de Camões (Lisboa) com uma decoração moderna e bastante apelativa. Muito frequentado por turistas este espaço serve essencialmente hambúrgueres (carne, peixe e vegetariano) e lavagantes (cozidos ou grelhados). 

_SAM8450-37.JPG

_SAM8449-36.JPG

_SAM8453-39.JPG

O aquário dos lavagantes_MG_1629-40.JPG

A simpática equipa_MG_1631-41.JPG

_MG_1646-42.JPG

_SAM8446-34.JPG

_SAM8447-35.JPG

_SAM8408-22.JPG

Passando à refeição, começámos com uma entrada composta pelos tradicionais grissinis servidos com pasta de tomate assado, pasta de queijo ricotta e manteiga de corais. Três entradas bastante cremosas, mas com texturas e sabores bastante diferentes. A minha favorita foi a manteiga de corais, pois misturava uma série de "aromas marinhos" sem que nenhum ingrediente se sobrepusesse sobre outro._SAM8414-23.JPG

Porque o dia estava quente e sabia bem beber algo refrescante escolhemos a caipirinha e o mojito com mirtilos, dois cocktails que geralmente não acompanham refeições, mas que são bons para relaxar em almoços de domingo. A apresentação estava fantástica e o nível de doçura adequado, tanto que nos permitiu saborear os nossos pratos sem comprometer o paladar._SAM8417-24.JPG

Passando aos pratos principais começámos pelo lavagante grelhado, que estava fresquinho como manda a tradição, tinha acabado de sair do aquário. Com uma textura leve, este marisco não leva muitos temperos, pelo que pede um acompanhamento mais guloso, neste caso molho de manteiga, que habitualmente "rega" o lavagante e batatas fritas, mas nós preferimos experimentar os risottos de cogumelos (o castanho) e pesto (o esverdeado). Escolha que nos pareceu mais acertada e que não nos desiludiu. Ainda que, o risotto de cogumelos precisasse ali de mais qualquer coisa. 

_SAM8423-25.JPG

Como o domingo é o "dia da asneira" esquecemos a dieta e experimentámos também os hambúrgueres. Ele escolheu o "Modena", hambúrguer de vaca assente em bolo do caco, ovo estrelado, tomate assado, molho pomodor, queijo cheddar, azeitonas e manjericão. Para acompanhar, salada e batatas fritas "caseiras", fininhas e estaladiças tal como as que as nossas mães nos faziam quando éramos pequenos. A carne estava bastante suculenta e a mistura de ingredientes tornava-se bastante agradável.

_SAM8426-26.JPG

_SAM8429-27.JPG

_SAM8431-28.JPG

_SAM8432-29.JPG

Eu escolhi o "Sicília", um hambúrguer de atum assente em bolo do caco, base de espinafres salteados, molho pesto, mozarela panada e tomate cherry. Para acompanhar arroz thai e salada com tomate cherry, alface, rúcula e nozes e molho de iogurte. Um prato um pouco mais leve do que o de carne para poder guardar um espacinho para a sobremesa. Sem dúvida uma escolha acertada, primeiro porque o hambúrguer estava mesmo no ponto e segundo porque a mozarela panada foi uma agradável surpresa em termos de sabor e textura. Tão bom que da segunda vez que lá fui voltei a escolher este prato._SAM8434-30.JPG

_SAM8439-31.JPG

Por último, as sobremesas: crumble de pêra com uma bola de gelado de nata e pavlova de frutos silvestres e hortelã. Duas sobremesas com empratamentos bastante agradáveis, que se destacam pelas suas texturas, no caso do crumble, o crocante que se mistura com o quente da pêra e o frio do gelado e a pavlova que é estaladiça por fora e macia por dentro. 

 

No final, o balanço foi positivo, pois tanto a comida como o atendimento foram ótimos. Ah e até a música ambiente era espectacular, por isso tenho a certeza que vou voltar a este restaurante mais vezes (até porque eles aceitam cartão de refeição).

_SAM8442-32.JPG

Graziela

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.