Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

My Cherry Lips

Um blogue de lifestyle bem docinho!

Qui | 28.07.16

De visita ao Cachorro à portuguesa

Julho-8735.jpg

 Fotos: Graziela Costa

 

A minha amiga Marisa costuma dizer que "o paladar treina-se" e cada vez mais acho que ela tem razão, pois nos últimos dois anos descobri sabores e combinações que se me dessem a provar antes, de certeza que dizia que não. 

 

Com a palavra "reinvenção" na ordem do dia e o facto de todos os dias surgirem novos restaurantes em Lisboa, já estava na altura de eu conhecer um novo conceito de cachorro quente. Assim, fui com uma amiga experimentar o Cachorro à Portuguesa, um restaurante onde os hot-dogs se misturam com a tradicional cozinha portuguesa dando origem a combinações deliciosas.

 

Localizado no Príncipe Real, este restaurante tem uma decoração minimalista fantástica. Aliás, quem gosta de food photography vai ficar encantado com as mesas de mármore e as louças onde são servidos os pratos. No entanto, nós íamos era mesmo para experimentar as "fusões" gastronómicas do chef João Sá, por isso decidimos que íamos provar sempre pratos diferentes.

 

Começando pelas entradas experimentámos o "Da Horta", um misto de vegetais tostados, cujas chips de beterraba foram as melhores que já alguma vez provei. Seguiu-se o croquete de tremoço com um pouco de mostarda que estava mesmo no ponto, difícil era não pedir mais um.

 

Depois, passámos aos cachorros, sendo que, eu escolhi o Cachorro Bitoque e a minha amiga, o Cachorro Mania do Bacon (Frango) e ainda que bastante diferentes, ambas as combinações eram interessantes. No entanto, a salsicha do cachorro Bitoque tornava-se um pouco seca, já que era feita com carne de vaca e nesse sentido, o Mania do Bacon acabou por revelar-se uma escolha mais acertada, até porque o crocante do pão casava bem com a salsicha de frango e o molho barbecue. Para acompanhar foram servidas batatas fritas com maionese de hortelã, ainda que tenhamos experimentado também o creme de queijo e posso dizer-vos que estava ótimo.

 

Por fim, as sobremesas e que sobremesas! Escolhemos a Espuma de Pastel de Nata, onde púdemos encontrar pedacinhos crocantes de massa folhada misturados com o creme do pastel de nata (uma autêntica explosão de sabor), e a Mousse de chocolate caseira, que tinha uma textura bem espessa como eu gosto.

 

No final, fica a vontade de voltar e experimentar mais.

 

Já agora, para quem quiser experimentar este restaurante, o preço por cachorro vai dos 5€ aos 8€ e o espaço está aberto diariamente, de domingo a quinta-feira, das 12 horas à meia-noite. Às sextas e sábados, está aberto das 12 horas às 2 horas. 

Julho-8721.jpg

Julho-8725.jpg 

Refresco de tangerina e sumo natural de morango e abacaxi

Julho-8728.jpg

Croquete de tremoçoJulho-8733.jpg

Da HortaJulho-8748.jpg

Cachorro Bitoque Julho-8742.jpg

Cachorro Mania do Bacon (Frango)Julho-8754.jpg

Espuma de pastel de nata e mousse de chocolate

Julho-8763.jpg

Julho-8770.jpg

Graziela