Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vida de Desempregada

Um blogue de lifestyle para todos os orçamentos!

Passatempo Vida de Desempregada / Refan Provence Lavander

Refan_Provence_Lavander_Graziela_Costa-004864.jpg

Foto: Graziela Costa

 

Em dia de liberdade tomei a liberdade de vos oferecer um presente pelos 5 anos do blog. Assim sendo, em parceria com a Refan tenho um kit de produtos da gama Provence Lavander para sortear entre os leitores do Vida de Desempregada.

 

Para se habilitarem a ganhar um kit composto por: um creme facial, um creme para mãos, um creme de pés e um sabonete (o saco da fotografia não está incluído foi só para a foto) só têm de preencher o formulário abaixo até ao final do dia 7 de maio de 2017 à meia noite (atenção, existem entradas obrigatórias). Este passatempo só é válido para residentes em Portugal. O vencedor será apurado via random e contactado por email. 

 

Boa sorte!

 

a Rafflecopter giveaway

Graziela

5 anos de Vida de Desempregada e uma grande novidade

5anosVDD-20.jpg

Fotos: Nara - Wedding Photography

 

Nem acredito que já passaram cinco anos desde que criei o "Vida de Desempregada", aliás nunca imaginei que no dia 22 de abril de 2017 haveria de estar num parque rodeada de amigos e muitos deles conhecidos graças ao blogue. Sim, aconteceu e foi um dos melhores dias da minha vida, pois estava orgulhosa deste meu "bebé" que cresceu, ajudou-me a sair da "depressão" e ajudou muitas outras pessoas graças às dicas que partilhei.

 

Estes cinco anos marcam também o fim de um período, pois já não estou desempregada e mesmo que um dia volte a estar sinto que está na hora de começar um novo capítulo desta história, e por isso decidi que vou mudar o nome do blog. Algo que anunciei neste dia (era a surpresa de que falava) e que em breve vos vou mostrar. 

 

Os conteúdos vão ser mais lifestyle como já têm sido no último ano e meio (aliás já devem ter reparado), mas claro, sempre que tiver uma dica de poupança vou partilhá-la convosco. Aliás, tenho partilhado ofertas, amostras e eventos grátis, mas passei a fazê-lo na página de Facebook do Vida de Desempregada para que pudesse ser mais imediato, por isso não se preocupem que eu vou estar sempre aqui para "ajudar". Simplesmente, sinto que está na altura de "mudar" e espero que vocês que me acompanharam nos últimos cinco anos me acompanhem também. Até lá vou continuar a publicar regularmente.

 

Por fim, um obrigada a todos os que estiveram presentes neste dia e um um agradecimento especial à minha mãe por me ter descansado que tudo iria correr bem e à Filipa Oliveira que para além de ter tirado estas fotografias fantásticas me ajudou a não desistir quando achava que já não iria conseguir organizar este piquenique.

5anosVDD-4.jpg

5anosVDD-9.jpg

5anosVDD-10.jpg

A minha mãe e a Júlia

5anosVDD-11.jpg

5anosVDD-12.jpg

5anosVDD-14.jpg

5anosVDD-18.jpg

5anosVDD-23.jpg

5anosVDD-1.jpg

5anosVDD-2.jpg

5anosVDD-3.jpg

5anosVDD-5.jpg

5anosVDD-6.jpg

5anosVDD-19.jpg

O bolo que eu fiz

5anosVDD-24.jpg

5anosVDD-25.jpg

5anosVDD-26.jpg

 

5anosVDD-38.jpg

5anosVDD-39.jpg

5anosVDD-40.jpg

5anosVDD-44.jpg

5anosVDD-42.jpg

5anosVDD-45.jpg

5anosVDD-46.jpg

5anosVDD-48.jpg

5anosVDD-49.jpg

5anosVDD-50.jpg

5anosVDD-51.jpg

5anosVDD-54.jpg

5anosVDD-55.jpg

5anosVDD-56.jpg

Sorteio de dois presentes

5anosVDD-57.jpg

5anosVDD-58.jpg

5anosVDD-59.jpg

Um dos presentes

5anosVDD-61.jpg

5anosVDD-62.jpg

A Júlia que não podia faltar para animar toda a gente

5anosVDD-75.jpg

5anosVDD-35.jpg

Graziela

Piquenique de aniversário - Vida de Desempregada

18052641_10158458426885648_456884478_n.png

Parece que foi ontem, mas dia 22 de abril, o Vida de Desempregada comemora o seu quinto aniversário e como cinco anos não se fazem todos os dias gostava muito de contar convosco para um piquenique. Esta vai ser a oportunidade de nos conhecermos pessoalmente e de saberem em primeira mão a surpresa que aí vem.

 

O piquenique vai realizar-se a partir das 16h do dia 22 abril, na no zona de merendas do Parque José Gomes Ferreira (mais conhecido como Mata de Alvalade), em Lisboa e quem quiser pode levar alguma coisa para petiscar.

 

Vemo-nos lá?

Graziela

Receitas rápidas: Batido de leite de arroz e frutos vermelhos

Batido_Leite_de_Arroz_Frutos_Vermelhos-1.jpg

Fotos: Graziela Costa

 

Aqui em casa aproveita-se tudo e como outro dia recebi uns frutos vermelhos que já vinham um bocado amassados decidi para fazer um batido para os aproveitar. A receita é simples e pode ser feita com qualquer tipo de leite, mas se quiserem uma textura mais parecida com a de um smoothie o melhor é mesmo usarem leite de arroz.

 

Ingredientes

(para 1 pessoa)

Morangos

Mirtilos

Framboesas

Amoras

Folhas de hortelã fresca

200 ml Leite de arroz (Shoyce)

 

Preparação

1 - Lave e parta as frutas em pedaços.

2 - Coloque as frutas no copo do liquidificador, adicione o leite, as folhas de hortelã e bata tudo.

3 - Sirva à temperatura natural ou se quiser adicione umas pedras de gelo para ficar fresco.

Batido_Leite_de_Arroz_Frutos_Vermelhos-5.jpg

Os ingredientes utilizados

Batido_Leite_de_Arroz_Frutos_Vermelhos-3.jpg

Batido_Leite_de_Arroz_Frutos_Vermelhos-4.jpg

Batido_Leite_de_Arroz_Frutos_Vermelhos-6.jpg

Graziela

Este ano as amêndoas foram outras

The_Bodyshop_Almond_and_Honey-1866.jpg

Fotos: Graziela Costa

 

Bem sei que a Páscoa já passou, mas não se preocupem que as amêndoas vieram para ficar e o melhor é que estas nem engordam. Sim, porque a nova gama Amêndoa, Leite e Mel da The Body Shop é perfeita para nutrir peles sensíveis. Como é que eu sei disso? Porque estive a apresentação desta nova linha na Sociedade, um espaço em Lisboa que promove workshops de culinária, etc.

 

Suave e com um cheiro pouco intenso (é uma fragrância hipoalergénica para evitar reações da pele) esta nova gama de produtos é composta por esfoliante, sabonete, creme de mãos, body butter, body lotion, leite para banho e gel de duche. Seis novos aliados no que toca ao combate à pele repuxada e irritada

 

Eu tenho andado a experimentar alguns produtos desta gama e até agora estou bastante satisfeita. Principalmente com o creme de mãos porque é de rápida absorção e tem uma embalagem perfeita para andar na carteira (até já partilhei no Instagram). Em breve, vou também fazer uma review mais detalhada sobre estes produtos, por isso fiquem atentos. ;)

The_Bodyshop_Almond_and_Honey-1833.jpg

The_Bodyshop_Almond_and_Honey-1836.jpg

As características desta nova linha

The_Bodyshop_Almond_and_Honey-1845.jpg

Bolachinhas fofinhas

The_Bodyshop_Almond_and_Honey-1828.jpg

nova gama Amêndoa, Leite e Mel da The Body Shop

The_Bodyshop_Almond_and_Honey-1864.jpg

Detalhes lindos!

The_Bodyshop_Almond_and_Honey-1888.jpg

The_Bodyshop_Almond_and_Honey-1841.jpg

Workshop de trufas energéticas

The_Bodyshop_Almond_and_Honey-1854.jpg

The_Bodyshop_Almond_and_Honey-1871.jpg

The_Bodyshop_Almond_and_Honey-1876.jpg

A pôr as mãos na massa

The_Bodyshop_Almond_and_Honey-1884.jpg

O resultado final

Graziela

Ser turista na minha cidade - Parte 55: Pavilhão Carlos Lopes

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-12.jpg

Fotos: Graziela Costa

 

Catorze anos após o seu encerramento e dois anos após as grandes obras de remodelação, o Pavilhão Carlos Lopes (situado no Parque Eduardo VII, em Lisboa) abriu de novo as suas portas. Aproveitando a minha visita ao "Peixe Em Lisboa", um evento que decorreu neste espaço entre 30 de março e 9 de abril tirei uma fotografias para vos mostrar este "tesourinho" arquitetónico.

 

Originalmente designado de "Pavilhão das Indústrias", este edifício foi construído em 1921 por ocasião da Exposição Internacional do Rio de Janeiro. A sua fachada e interiores contam com esculturas Raul Xavier e os azulejos que o decoram são originários da Fábrica de Sacavém.

 

Desde 1984 é chamado de Pavilhão Carlos Lopes, em homenagem ao primeiro atleta português a conquistar uma medalha de ouro nos Jogos Olímpicos e além de receber eventos alberga também um núcleo museológico onde podemos conhecer a história deste atleta e ver alguns dos seus objetos pessoais. Oram vejam as fotografias abaixo. 

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-14.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-11.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-14.jpg

 

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-8.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-9.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-10.jpg

 

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-1.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-2.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-3.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-4.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-5.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-6.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-7.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-12.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-16.jpg

Pavilhao_Carlos_Lopes_Lisboa-17.jpg

Graziela

Fui experimentar um brunch bio

Foodprintz_Brunch_Vegan-1947.jpg

Fotos: Graziela Costa

 

Confesso que o meu cérebro ainda não regressou destes dias de pausa, por isso hoje aproveito para escrever sobre o brunch bio que fui experimentar com a minha mãe ao Foodprintz. Um espaço bem agradável, perto do Marquês de Pombal, em Lisboa onde podemos fazer aulas de ioga/meditação e comer boas refeições veganas.

 

Apesar de não ser vegan nem vegetariana gosto bastante de soja, tofu, legumes e afins. No entanto, não foi isso que me despertou curiosidade em experimentar um brunch deste género, mas sim o facto de gostar de saber se um brunch bio seria capaz de me fazer sair de lá a "rebolar" como costuma acontecer aos brunchs regulares.

 

Aproveitando um cupão do Lifecooler, por apenas 8,90€ eu e a minha mãe tivemos direito a um menu que incluía 2 cafés, um mexido de tofu, uma tosta de ricota e abacate e uma super yogi smoothie bowl (tudo a para partilhar). Quantidades que à partida até podem parecer pouco para duas pessoas, mas que foi suficiente para sairmos de lá satisfeitas. Eu gostei especialmente da tosta de ricota e abacate, uma combinação que nunca tinha provado e da super yogi smoothie bowl, uma super taça com banana, espinafres, coco e bagas de goji, que se não desse tanto trabalho fazer em casa poderia comer todos os dias ao pequeno almoço.

 

Em suma: o preço é barato, o espaço e os funcionários são agradáveis, mas gostava que o brunch tivesse uma bebida incluída, por exemplo limonada em vez do café. Uma lacuna que me fez pedir à parte um sumo de laranja, cenoura e corcuma. 

Foodprintz_Brunch_Vegan-1955.jpg

Foodprintz_Brunch_Vegan-1956.jpg

Foodprintz_Brunch_Vegan-1957.jpg

Foodprintz_Brunch_Vegan-1959.jpg

Foodprintz_Brunch_Vegan-1960.jpg

Foodprintz_Brunch_Vegan-1944.jpg

Foodprintz_Brunch_Vegan-1948.jpg

Foodprintz_Brunch_Vegan-1949.jpg

Foodprintz_Brunch_Vegan-1953.jpg

Graziela

Iconic - Joelharia, Moda e Lifestyle

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2012.jpg

Fotos: Graziela Costa

 

Depois de receber eventos dedicados à moda e à beleza foi a vez de Lisboa receber um evento dedicado à joelharia. Assim, durante três dias e sob o mote "girl power", o Convento do Beato (um espaço lindo, vale a pena visitar!) recebeu a Iconic. Uma mostra para profissionais e público em geral onde se deram a conhecer alguns dos mais conhecidos designers de joias, grupos joalheiros, profissionais ligados à área de packaging (embalagens onde são guardadas as joias) e novos talentos. A par desta mostra decorreu também um showroom do Portugal Fashion onde estiveram presentes coleções de Alexandra Moura, Hugo Costa, entre outros. Por fim, a Iconic promoveu também as "Fast Talks", conversas informais para saber o qual o papel da mulher enquanto musa inspiradora de designers e joalheiros.

 

Para mim, esta primeira edição da Iconic foi um sucesso, pois pude conhecer artistas que nem sabia que existiam, revi as queridas Marta e Luísa da Mel Jewel e fiquei com vontade de saber um pouco mais sobre a arte da joelharia. Se depois de verem as fotos abaixo também ficarem "mordidos pelo bichinho das joias" aconselho-vos uma visita ao Portojóia. Uma feira internacional de joelharia, ourivesaria e relojoaria que decorre entre 28 de setembro e 1 outro, no Porto.

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2013.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2014.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2015.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2017.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2018.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2020.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2021.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2022.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2023.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2026.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2028.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2029.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2030.jpg

Iconic_Joalheria_Moda_Lifestyle-2031.jpg

Graziela

Crocs primavera/verão 2017

Crocs-1994.jpg

Fotos: Graziela Costa

 

Longe vão os tempos em que as Crocs só usavam nos hospitais, pois graças aos novos materiais, mais leves, mas ao mesmo tempo robustos, este tipo de calçado tem-se vindo a "democratizar". Lisas, com brilhos, em versão chinelo, soca ou mesmo sapatilhas, as Crocs vão tomar de "assalto" o nosso país! 

 

Eu estive na apresentação da nova coleção da Crocs, no Destinations Hostels, em Lisboa e tirei algumas fotografias para vos mostrar os modelos mais giros esta primavera/verão

 

Fico à espera para saber quais os vossos modelos favoritos.

Crocs-2005.jpg

Crocs-2007.jpg

Crocs-2010.jpg

O Dj de serviço

Crocs-2002.jpg

Um cenário incrível!

Crocs-1996.jpg

Crocs-1986.jpg

Sabrinas (as minhas favoritas desta coleção)

Crocs-1990.jpg

Sandálias e chinelos super elegantes

Crocs-1987.jpg

As tradicionais Crocs

Crocs-1989.jpg

Crocs-1992.jpg

Para uso laboral e em versão sapatilha

Crocs-1980.jpg

Com os brilhos tendência para esta primavera/verão

Crocs-1982.jpg

Versão chinelo

Crocs-1984.jpg

Para os meninos

Crocs-1993.jpg

 As edições da Disney são super queridas!!!!

Graziela

A Última Ceia do Canal História está de volta

Ultima_Ceia_Canal_Historia-004436.jpg

Fotos: Graziela Costa captadas com a Canon 5DS

 

A Páscoa está quase a chegar e com ela chega também uma nova edição d' "A Última Ceia" do Canal História. Uma iniciativa criada há uns anos atrás, através da qual chefs de renome são desafiados a criar um menu com base nos ingredientes consumidos na última ceia. Este ano o chef escolhido foi o Vítor Sobral e eu estava cheia de expectativas para conhecer as suas propostas, pois há dois anos experimentei o menu criado pelo chef Kiko e adorei (vejam aqui a minha review). Assim, um destes dias eu e mais alguns bloggers aproveitámos a hora de almoço para irmos à Peixaria da Esquina experimentar este novo menu.

 

Começámos a nossa refeição com um couvert composto por azeitonas temperadas com hortelã (não provei porque não gosto de azeitonas verdes), mousse de pistácio com ervas aromáticas (parece uma manteiga e é deliciosa) e pão fermentado (foram-nos servidos três tipos diferentes e o meu favorito foi o de cerveja). Para entrada foi escolhido um atum escabeche com óregãos, redução de vinho e sangue de atum, que estava uma delicia, pois desfazia-se na boca e quando molhado nos dois molhos que o acompanhavam provocada sensações distintas na boca. Seguiu-se o cordeiro assado com feijão (para mim feijocas) e nozes. Uma carne da qual não sou muito fã, mas que estava muito bem apurada o que fazia com que fosse bastante fácil de comer. Como acompanhamento tivemos ainda uma quinoa branca, da qual gostei tanto que até fui comprar um pacotinho para experimentar fazer em casa um dia destes. Por último, a sobremesa: mexidos estilo charroset (pão, vinho, mel e frutos secos) com um sorvete de limão e alecrim. Sem dúvida o que gostei mais deste almoço (adoro mexidos!!!). De notar, que este menu foi harmonizado com vinho de talha alentejano (uma técnica especial sobre a qual podem saber mais aqui) e para quem quiser experimentar esta "Última Ceia" pode fazê-lo até dia 16 de abril na Peixaria da Esquina, é claro.

Ultima_Ceia_Canal_Historia-004469.jpg

A Peixaria da Esquina

Ultima_Ceia_Canal_Historia-004471.jpg

Ultima_Ceia_Canal_Historia-004473.jpg

Ultima_Ceia_Canal_Historia-004441.jpg

O chef Vítor Sobral a explicar esta "Última Ceia"

Ultima_Ceia_Canal_Historia-004435.jpg

Ultima_Ceia_Canal_Historia-004431.jpg

Couvert

Ultima_Ceia_Canal_Historia-004450.jpg

Entrada

Ultima_Ceia_Canal_Historia-004452.jpg

Prato principal

Ultima_Ceia_Canal_Historia-004457.jpg

Ultima_Ceia_Canal_Historia-004468.jpg

Sobremesa

Graziela

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pág. 1/2