Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vida de Desempregada

Um blogue de lifestyle para todos os orçamentos!

Receitas rápidas: Massada à minha maneira

_MG_2871-4.JPG

Fotos: Graziela Costa

 

Eu sou uma "marmita lover" e todos os dias levo religiosamente a minha lancheira para o trabalho. Este foi um hábito que ganhei no meu primeiro estágio, em 2010, e até hoje levo sempre um lanchinho para onde quer que vá. É económico, pois não gasto dinheiro em refeições fora, mas também é uma forma de controlar a minha dieta, ainda que a receita que vos trago hoje seja um pouco calórica.

 

Esta receita surgiu de um desafio que SmartLunch fez a 50 bloggers, no sentido de criarem uma receita para levarem na SmartBento. Eu fiz uma massa super simples, mas bastante saborosa e que levei muitas vezes para os meus almoços quando estava nesse primeiro estágio (agora, é mais legumes com peixe cozido eheheh).

 

Sem mais demoras, aqui fica uma massa à minha maneira.

 

Ingredientes

(para mais do que uma refeição)

1 punhado de massa esparguete

1 colher de sopa de Azeite São Mamede

Margão Segredos Alho e Salsa 

Sal com orégãos (Salinas Várzea da Marinha)

1 cebola pequena

1 lata de atum

Pedacinhos de bacon cortados grosseiramente

1 punhado de mistura de sementes Rise Live (Origens Bio)

1 punhado de sementes de girassol (Sementina)

200ml de Creme de Soja (Shoyce)

1 lata pequena de cogumelos laminados

 

 

Preparação

1. Parta a cebola em pedaços.

2. Num tacho leve a alourar num fio de azeite, com o bacon já partido em pedaços. 

3. Quando o bacon já estiver tostadinho retire do lume e reserve.

4. Deite a água quente (aqueçam com o fervedor eléctrico, pois fica mais barato), o sal e a massa.

5. Deixe cozinhar em lume brando.

5. Num tacho à parte coloque as natas, o atum escorrido, os cogumelos e bacon.

6. Tempere com sal, Margão Segredos Alho e Salsa  e deixe cozinhar em lume bando.

7. Quando a água da massa já tiver escorrido quase toda, acrescente a mistura do atum, bacon e cogumelos.

8. Envolva bem e acrescente as sementes.

9. Sirva quente e reserve um pouco para a marmita do dia a seguir. 

 

_MG_2823-1.JPG

Marmita SmartBento (SmartLunch)

Lancheira (Donna Xica)

_MG_2856-2.JPG

_MG_2865-3.JPG

_MG_2886-5.JPG

_MG_2894-7.JPG

Graziela

Receitas rápidas: Atum à bolonhesa

 Fotos: Graziela Costa

 

Este fim de semana decidi fazer um prato que gosto bastante: massa à bolonhesa, mas como não tinha carne picada decidi experimentar com atum e cogumelos.

 

Espero que gostem do resultado. A mim soube-me bastante bem.

 

Ingredientes

1 Cebola

Massa esparguete

Polpa de tomate

Azeite

Cogumelos Shiitake (usei ii - shiitake em troncos / shiitake on logs)

2 Latas de atum

Sal (usei Rui Simeão)

Tabasco Red

Pimenta preta

Orégãos

Água

 

Preparação

 

1. Coza o esparguete em água, sal e um fio de azeite até ficar "al dente".
2. Num tacho, leve ao lume a cebola (cortada em pedaços) e o atum.  Deixe refogar durante 3 minutos.

3. Tempere com pimenta preta , orégãos e umas gotinhas de Tabasco Red.

5. Quanto já estiver tudo "douradinho" junte os cogumelos partidos em pedaços, a polpa de tomate e mexa.

6. Deixe cozinhar entre 10 a 15 minutos até o molho ficar bem apurado.
7. Depois do esparguete cozido, escorra-o no escorredor.

8. Decore o prato e sirva o queijo à parte (pode usar queijo flamengo já meio seco, que ralaram previamente).

 

 

Como já mencionei em cima, nesta receita usei cogumelos Shiitake e, para quem conhece, estes cogumelos são originários do Japão / Coreia, sendo produzidos em troncos de madeira. 

 

Eu conheci estes cogumelos através do Célio do Sweet Gula e fiquei fã do conceito e desta comunidade. A ii - shiitake em troncos / shiitake on logs, nasceu da paixão por este tipo de cogumelos, mas a ideia é passar este amor a mais pessoas. Assim, criaram as iiRMANDADES, isto é grupos de pessoas, que se juntam para comprar cogumelos. É divertido e poupamos dinheiro.


Já agora, deixo-vos o regulamento da iiRMANDADE:

i - Arranja, no mínimo, três iiRMÃOS para criar uma iiRMANDADE (o criador da iiRMANDADE será o nosso iiNTERLOCUTOR e terá algumas benesses…);

ii -Dá um nome à tua iiRMANDADE (exemplo: a iiRMANDADE DO ANEL, se trabalhas numa ourivesaria ou se és o Frodo Baggins);

iii - Encomenda e nós entregamos aí (as encomendas, preços e datas de entrega estarão sujeitas a um regulamento que forneceremos consoante consulta por correio electrónico);

iv - se gostas da ideia, partilha (não queremos iiRMANDADES de pessoas egoístas)

 

 

 

 

  

Toda a gente já ouviu falar do Jamie Oliver, um chef britânico, que ao longo dos últimos anos tem tido grande destaque no panorama gastronómico mundial, mas o que a maioria das pessoas não sabe é que ele usa produtos portugueses, nomeadamente: tábuas de cozinha.

 

Ora essas tábuas, são produzidas pela Gradirripas, Lda., uma empresa familiar, propriedade da família Violante, oriunda de Pernes, concelho de Santarém.  Esta empresa dedica-se, sobretudo, ao fabrico de caixas em madeira para vinhos e produtos gourmet, bem como à produção de outros artigos em madeira, nomeadamente tábuas de cozinha.

 

Hoje, mostro-vos aqui algumas dessas tábuas. Tábuas essas, que me vão acompanhar ao longo de muitas receitas. Já agora, elas estão em promoção no site da Goodlife. Aproveitem porque elas são lindas!

 

 

Graziela

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.