Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vida de Desempregada

Um blogue de lifestyle para todos os orçamentos!

Cheirinho doce

Yves_Rocher_Poir_Cacao_Beleza-8212.jpg

Fotos: Graziela Costa captadas com a Canon 6D

 

Há marcas que de alguma forma marcam a nossa vida e a Yves Rocher para mim é uma delas, visto que em 2008, durante o ano que estive de Erasmus, em Espanha foi a minha grande aliada. Aliás, para quem não sabe, em Espanha existem mesmo lojas das Yves Rocher e foi assim que eu fiquei a conhecer grande parte dos produtos desta marca.

 

Geralmente ia lá de 15 em 15 dias, primeiro porque eles tinham serviços estéticos e segundo porque tinham sempre grandes promoções. Tanto que, nesse Natal a minha família e amigos receberam todos presentes da Yves Rocher. Entretanto, voltei para Portugal e continuei a comprar pontualmente os produtos que mais gostava.

 

Já neste Natal, gentilmente a marca enviou-me alguns produtos para testar, nomeadamente a linha corporal de Pêra e Cacau, produtos sobre os quais vos escrevo hoje.

 

Começo então por "falar" sobre o creme de mãos, que tem uma textura bem suave e que faz com que o produto seja absorvido rapidamente sem deixar as mãos a colar. Em relação ao seu cheiro é intenso (talvez o mais intenso nesta gama de produtos), mas depois do produto ser absorvido não  se torna enjoativo. Já o bálsamo de lábios nutritivo é super prático e lembra-me os batons do cieiro que usava quando era adolescente. No entanto, o que mais gosto nele é mesmo o cheiro que perdura bastante tempo depois de aplicado.

 

Quanto ao gel de duche e à loção corporal têm ambos o tamanho perfeito para levar para o ginásio, mas se os usarem em casa vão sentir que estão no spa, pois têm um cheiro ótimo e uma textura super agradável.

 

Por fim, a vela de pêra e cacau que é perfeita para os dias frios e dá um cheirinho super agradável à casa (acho que é mesmo o meu produto favorito desta linha), tanto que, já faz parte do meu kit hygge (conheçam aqui o seu manifesto).

 

*Uma nota, estes produtos são de uma edição limitada, mas ainda são capaz de os encontrar através de alguma revendedora da marca.

Yves_Rocher_Poir_Cacao_Beleza-8215.jpg

Creme de mãos e bálsamo labial

Yves_Rocher_Poir_Cacao_Beleza-8222.jpg

Gel de duche e loção corporal

Yves_Rocher_Poir_Cacao_Beleza-8219.jpg

Vela

Graziela

Receitas rápidas: Batido de leite de espelta com pêra e groselha

Fotos: Graziela Costa

 

Depois de tantas sobremesas está na hora de uma coisa mais saudável e assim, sugiro-vos um batido de leite de espelta com pêra e groselha. Talvez à primeira vista os ingredientes não vos soem muito bem e na verdade quando o fiz nem eu sabia muito bem se ia ser bom, mas afinal é. Por isso, aconselho-vos a darem uma oportunidade às frutas que têm em casa e a surpreenderem-se com novos sabores.

 

Ingredientes

200ml de Provamel Leite de espelta

1 pêra

Alguns bagos de groselha

1 colher de sopa de açúcar

2 colheres de sopa de linhaça moída

 

Preparação

1. Corte a pêra em pedaços.

2. Num recipiente coloque a pêra, os bagos de groselha, o açúcar e a linhaça.

3. Deite o leite sobre a mistura e passe com a varinha mágica.

4. Podem adicionar gelo.

 

*Também podem usar leite soja ou vaca neste batido.

 

 

 

 

Graziela

Receitas rápidas: Puré de Pêra com Menta e Pêssego

 Fotos: Graziela Costa

 

Como tinha várias pêras a ficar moles, decidi fazer uma sobremesa diferente, que mesmo para quem não goste muito de fruta se torne agradável. Aqui fica a receita.

 

Ingredientes

11 Pêras

Folhas de Menta (usei Aromáticas Vivas)

Folhas de Stevia (usei Aromáticas Vivas)

Água

5 colheres de sopa de Açúcar

1 embalagem de Frubis Pêssego

 

Preparação

1. Descasque as pêras e corte em bocadinhos.

2. À parte ferva 500ml de água e deite as folhas de stevia, deixe repousar.

3. Pique as folhas de menta e deite sobre as pêras.

5. Acrescente o açúcar.

6. Deite o "chá" de stevia sobre as pêras e leve ao lume.

7. Deixe cozinhar durante 15/20 minutos.

8. Passe com a varinha mágica.

9. Sirva em tacinhas.

10. Decore com alguns pedaço de Frubis Pêssego.

 

Pode servir o creme frio ou morno, dependendo do gosto de cada um.

 

 

 

 

 

PS: Já participaram no passatempo que temos a decorrer na nossa página de Facebook?? Concorram aqui.

Graziela

Receitas rápidas: Pêras bêbedas em vinho do Porto

 Fotos: Graziela Costa

 

Eu adoro maçã assada com moscatel, mas como não tinha em casa nenhum dos ingredientes necessários para preparar essa receita, decidi improvisar outra sobremesa. Tinha algumas pêras rocha, vinho do Porto, uns palmiers e, voilá, cá estão umas pêras bêbedas em vinho do Porto.

 

Ingredientes

Vinho do Porto Tinto (usei Lágrima -  Ramos Pinto)

6 pêras Rocha

Mini palmiers (usei Palmi Kids - Du Bois de la Roche)

50g de açúcar

Canela em pó

Água

 

Preparação

 

1. Descascam-se as pêras e retira-se o fundo.

2. Coloca-se num tacho. Junta-se o vinho do Porto e a água. Tapa-se e vai a cozer em lume médio.

3. Quando as pêras estiverem cozidas, adiciona-se o açúcar, a canela e deixa-se a ferver durante 10 minutos.

4. Ao servir coloque cada pêra num prato e rodeie de mini palmiers.

5. Regue os palmieres e a pêra com o molho que se havia acumulado no tacho.

 

Esta é uma excelente sobremesa para acompanhar com o arroz de marisco, cuja receita já vos tinha apresentado e podem consultar aqui.

 

Bom apetite!

 

 

O vinho do Porto "Lágrima" Ramos Pinto como o nome indica provém da lágrima do vinho tinto, ou seja, do escorrimento do mosto dos lagares, “bica aberta”, apenas com uma ligeira fermentação. O aroma é fresco, vivo e muito frutado.

 

Pode beber-se fresco…ou com gelo e uma rodela de limão. Com água tónica ou sumo de laranja e claro, pode ser usado em sobremesas.

 

 

  

Nesta receita usei ainda, uma embalagem de Palmi Kids (estes pacotinhos são compostos por 2 práticas saquetas de 6 "palmis krocantes", ideais para um lanche ou como snack) da Du Bois de la Roche.

 

 

PS: Já viram o nosso megapassatempo para o dia da mulher? Concorram aqui.

Graziela

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.