Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vida de Desempregada

Um blogue de lifestyle para todos os orçamentos!

Fui fazer um workshop no Museu do Oriente

Workshop_Arquivador_Museu_Oriente_Lisboa-002049.jp

 Fotos: Graziela Costa e Leonor Andrade

 

O Natal está quase a chegar e porque não oferecermos uma prenda diferente feita por nós, por exemplo? Nesse sentido, fui fazer o workshop "Arquivador com Fole", no Museu de Oriente. Um dos primeiros espaços que fotografei para a rubrica "Ser Turista Na Minha Cidade" e que todas as semanas promove cursos e palestras ligadas à cultura oriental.

 

Ministrado numa das sala do Museu, este workshop foi feito pela formadora Leonor Andrade, do Atelier Lua Nova e que numa manhã me ajudou a fazer um arquivador todo catita onde vou poder guardar as minhas credenciais/bilhetes de concertos e festivais.

 

Esta formação foi bem descontraída e ajudou-me a aprender que com um pouco de papel e imaginação podemos fazer coisas incríveis. Tanto que, fiquei de olho noutros workshops que o museu está a organizar, por isso se também quiserem conhecer a oferta formativa do Museu do Oriente basta entrarem aqui.

 

Uma nota: os workshops do Museu do Oriente são pagos, mas grande parte já tem os materiais necessários incluídos, por isso é uma questão de verem qual vai mais de encontram aos vossos gostos. 

Workshop_Arquivador_Museu_Oriente_Lisboa-002050.jp

Papéis lindos!Workshop_Arquivador_Museu_Oriente_Lisboa-002051.jp

Workshop_Arquivador_Museu_Oriente_Lisboa-002052.jp

Todos os workshops trazem um capa com todas as instruçõesWorkshop_Arquivador_Museu_Oriente_Lisboa-002053.jp

O meu arquivador a ganhar forma
Workshop_Arquivador_Museu_Oriente_Lisboa-002055.jp

Quase quase prontoWorkshop_Arquivador_Museu_Oriente_Lisboa-002056.jp

Workshop_Arquivador_Museu_Oriente_Lisboa-002196.jp

 O resultado final 

Graziela

O espelho reciclado

Foto: Graziela Costa

 

Às vezes vejo amostras na internet que à partida não servem para nada, mas depois penso "bem, isto até pode ter utilidade no futuro" e foi o que aconteceu quando vi amostras de papel de parede grátis.

 

Já tinha ouvido alguns relatos de pessoas que as tinham pedido e que chegaram em tamanho A4. Como queria tapar o tampo do quadro eléctrico lá de casa, as tais amostras eram perfeitas, mas quando chegaram percebi que eram pequenas demais para o que precisava.

 

No entanto, olhei para um espelho de "maquilhagem" que andava por lá e que tinha a parte de trás toda estragada e pensei "vou já arranjar isto".

 

Cortei um circulo à medida do espelho e colei com cola forte, uma operação simples, mas que fez com que o espelho ganhasse uma nova vida e o papel tivesse finalmente utilidade.

 

Para quem também pensa dar uma nova vida às coisas que tem lá em casa pode pedir cinco amostras de papel de parede aqui. 

 

As amostras têm um tamanho A4 e são enviadas directamente para vossa casa.

Graziela

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.