Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vida de Desempregada

Um blogue de lifestyle para todos os orçamentos!

Ser turista na minha cidade - Parte 53: Casa-Museu Dr. Anastácio Gonçalves

Casa_Anastacio_Goncalves-003256.jpg

Fotos: Graziela Costa

 

Quase todos os dias passo pela Casa Museu Dr. Anastácio Gonçalves, mas só recentemente tive oportunidade de a visitar e não podia ter ficado mais surpreendida. Aliás, quem diria que numa vivendinha no meio do centro de Lisboa eu podia encontrar pinturas naturalistas e românticas de pintores portugueses dos séculos XIX e XX, esculturas, artes decorativas e um acervo de porcelana chinesa fantástico? Pois é, esta casa guarda segredos bem interessantes e posso dizer-vos que vale a pena a visita, pois lá estão expostas algumas das mais belas paisagens portuguesas. 

 

Eu gostei especialmente das coleção de pintura, mas a coleção de mobiliário também é fantástica e acho que pelas fotografias abaixo já podem ter uma ideia do que vos espera se forem visitar a Casa Museu Dr. Anastácio Gonçalves.

 

Casa Museu Dr. Anastácio Gonçalves está aberta de terça a domingo das 10h às 18h (pausa para almoço das 13h às 14h), sendo que a entrada custa 3€, mas fica grátis se forem no primeiro domingo do mês ou levarem a vossa declaração do centro de emprego.

 

PS: Para verem outros "Ser Turista Na Minha Cidade" entrem aqui.   

Casa_Anastacio_Goncalves-003259.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003262.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003281.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003317.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003319.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003325.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003326.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003329.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003331.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003335.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003337.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003341.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003344.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003345.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003349.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003354.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003356.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003362.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003363.jpg

Casa_Anastacio_Goncalves-003366.jpg

Graziela

Ser turista na minha cidade - Parte 52: Atelier Museu Júlio Pomar

Atelier_Museu_Julio_Pomar-003005.jpg

Fotos: Graziela Costa

 

Agora que estou de novo empregada sou turista de fim de semana e hoje partilho convosco uma das minhas últimas visitas: o Atelier Museu Júlio Pomar. Um espaço situado na zona do Chiado, em Lisboa onde podem conhecer as obras de um dos mais famosos artistas contemporâneos. 

 

Luminoso e amplo, este Atelier Museu alberga algumas das mais conhecidas obras do pintor Júlio Pomar e até dia 12 de março recebe "Void" uma exposição conjunta com Julião Sarmento, outro nome incontornável da cultura portuguesa.

 

Pessoalmente, adorei visitar este espaço e confesso que gostava imenso ter lá ficado sentada a ler um livro e a apanhar sol (se forem lá vão ver como é acolhedor).

 

O Atelier Museu Júlio Pomar pode ser visitado de terça a domingo entre as 10h e as 18h. A entrada custa 2€, mas à terça feira é grátis. 

 

PS: Para verem outros "Ser Turista Na Minha Cidade" entrem aqui.  

Atelier_Museu_Julio_Pomar-002989.jpg

Atelier_Museu_Julio_Pomar-002991.jpg

Atelier_Museu_Julio_Pomar-002992.jpg

Atelier_Museu_Julio_Pomar-002994.jpg

Atelier_Museu_Julio_Pomar-002997.jpg

Atelier_Museu_Julio_Pomar-002999.jpg

Atelier_Museu_Julio_Pomar-003003.jpg

Graziela

Ser turista na minha cidade - Parte 51: Museu Nacional de Arte Contemporânea do Chiado - Lisboa

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8547.jpg

 Fotos: Graziela Costa captadas com a Canon 6D

 

Situado em plena baixa pombalina, o Museu Nacional de Arte Contemporânea do Chiado alberga na sua coleção permanente obras de alguns dos mais conhecidos artistas portugueses contemporâneos. Amadeo de Souza-Cardoso, Columbano Bordallo Pinheiro ou Helena Almeida são apenas três dos artistas autores das centenas de pinturas, fotografias, esculturas e instalações que podemos ver neste espaço e quando o fui visitar este museu tive a oportunidade de ver a coleção permanente e uma exposição temporária de Francisco Afonso Chaves, que nos apresenta belas fotos do arquipélago dos Açores e da Madeira captadas através de estereoscopia.

 

O Museu Nacional de Arte Contemporânea do Chiado pode ser visitado de terça a domingo das 10h às 18h, sendo que a entrada custa 4,50€. No entanto, se apresentarem a vossa declaração do centro de emprego ou visitarem este espaço no primeiro domingo do mês a entrada é gratuita.

 

PS: Para verem outros "Ser Turista Na Minha Cidade" entrem aqui.  

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8546.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8548.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8549.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8551.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8553.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8557.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8559.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8560.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8561.jpg

 

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8562.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8566.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8569.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8571.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8573.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8576.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8580.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8583.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8585.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8586.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8587.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8588.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8589.jpg

Museu_de_Arte_Moderna_Lisboa-8590.jpg

Graziela

Ser turista na minha cidade - Parte 50: Basílica da Estrela

Basilica_da_Estrela-1053.jpg

Fotos: Graziela Costa

 

Desde pequena que ouço falar sobre a Basílica da Estrela e porquê? Porque lá foram realizados os casamentos, batizados e funerais de muitas personalidades públicas, mas acima de tudo pela imponência deste edifício. E vocês perguntam: então porque é que nunca lá foste? Bem, até estive lá à porta algumas vezes, uma delas até tentei entrar, mas estava a decorrer a missa. 

 

Recentemente, aproveitando a visita da minha mãe decidi ir mostrar-lhe a Basílica da Estrela e como fomos durante o horário laboral pudemos ver tudo à vontade. Nomeadamente, o presépio barroco de Machado de Castro, que é talvez o presépio mais interessante que já vi, pois além da "cena" da natividade incorpora "cenas" quotidianas portuguesas: como a matança do porco, a taberna, etc. Para além disso, lá podem também ver o túmulo da rainha Dona Maria I, fantásticos lustres, a cúpula em mármore rosa e uma vista fantástica desde do terraço (mas, eu não fui porque não tinha dinheiro trocado eheheh). A entrada é livre, mas podem fazer uma contribuição para o restauro do presépio.

 

PS: Para verem outros "Ser Turista Na Minha Cidade" entrem aqui.  

Basilica_da_Estrela-1050.jpg

Basilica_da_Estrela-1051.jpg

Basilica_da_Estrela-1035.jpg

Basilica_da_Estrela-1040.jpg

Basilica_da_Estrela-1041.jpg

Basilica_da_Estrela-1042.jpg

Basilica_da_Estrela-1044.jpg

Basilica_da_Estrela-1048.jpg

Basilica_da_Estrela-1049.jpg

Basilica_da_Estrela-1026.jpg

Basilica_da_Estrela-1029.jpg

Basilica_da_Estrela-1030.jpg

O presépio de Machado de Castro

Basilica_da_Estrela-1021.jpg

Basilica_da_Estrela-1023.jpg

Graziela

Ser turista na minha cidade - Parte 49: Festa Barroca

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Fotos: Graziela Costa

 

Ir ao Palácio Nacional da Ajuda (podem ver o "Ser Turista Na Minha Cidade" aqui) é sempre um prazer, mas vê-lo à noite é ainda mais majestoso. Os candelabros faustosos que iluminam as salas e os tecidos tornam-se ainda mais incríveis! Melhor só se juntarmos uma boa exposição e até dia 28 de fevereiro podem ver "Festa Barroca". Uma exposição que "ilustra e representa uma maneira diferente de contar a história, a arte e a cultura italianas, através da reconstituição dos sumptuosos trajes e do ambiente das cortes italianas na época barroca." Trajes que nos ajudam a viajar na história e que nos transportam aos tempos dos reis e rainhas. 

 

Eu tive a sorte de ir lá na sua inauguração e fiz algumas fotografias para vos mostrar e despertar em vós a vontade de visitar a "Festa Barroca".

 

A exposição em si grátis, mas têm de pagar para visitar o Palácio (a entrada custa 5€). No entanto, se levarem a declaração do centro de emprego ou forem no primeiro domingo do mês a entrada fica grátis.

 

 Vejam aqui outras visitas da série "Ser turista na minha cidade".

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Exposicao_Festa_Barroca_Palacio_Nacional_da_Ajuda-

Graziela

Ser turista na minha cidade - Parte 47: Mude fora de portas - Cidade Gráfica

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-8012.jpg

Fotos: Graziela Costa captadas com a Canon 6D

 

Desde pequena que adoro néons e quando vou de viagem farto-me de tirar fotografias a este tipo de "obra de arte". Assim, quando vi uma reportagem televisiva sobre a exposição "Cidade Gráfica" reservei logo um tempinho para ir visitá-la. 

 

Integrada no "Mude Fora de Portas", esta exposição dá-nos a conhecer alguns dos mais emblemáticos letreiros e reclames da Lisboa do século XX. Pelo meio podemos ainda ficar a conhecer um pouco mais sobre a evolução gráfica na publicidade nacional, o funcionamento de um néon e claro, tirar fotografias espetaculares.

 

"Cidade Gráfica" pode ser vista de terça a domingo, das 10h às 18h, no Convento da Trindade (Rua Nova da Trindade, nº 20, Chiado - Lisboa). A entrada é livre e agora deixo-vos algumas fotografias que decerto vos vão cativar a fazer uma visita a esta exposição.

 

PS: Para verem outros "Ser Turista Na Minha Cidade" entrem aqui

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7953.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7946.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7950.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-8017.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7955.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7959.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7964.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7969.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7971.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7977.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7982.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7985.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7990.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7992.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7995.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7997.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-7999.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-8000.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-8003.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-8006.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-8008.jpg

Mude_Fora_de_Portas_Cidade_Grafica-8016.jpg

Graziela

Ser turista na minha cidade - Parte 46: ANIM

ANIM-6476.jpg

Fotos: Graziela Costa captadas com a Canon 6D

 

Existem acasos que são mesmo felizes e o que me levou até ao Arquivo Nacional das Imagens em Movimento (ANIM) foi um deles, pois durante o MUVI vi um folheto da Cinemateca e vi que iam ter uma visita grátis a este espaço. Peguei no telemóvel enviei um email e no dia 16 de dezembro lá fui eu visitar o ANIM.

 

O Arquivo Nacional das Imagens em Movimento apesar de fazer parte da Cinema Portuguesa (em Lisboa) situa-se em Bucelas e para o visitarmos precisamos de uma autorização ou então podemos ir numa das visitas organizadas pela entidade. Eu tive sorte de ir numa dessas visitas e tive como guia o diretor do espaço o que foi bom porque fiquei a conhecer mais a fundo questões que apenas tinha abordado nas aulas de História do Cinema. Quanto ao que podemos ver no ANIM, basicamente tudo o que está relacionado com a imagem: câmaras, aparelhos de reprodução, cópia, exibição e claro, películas.

 

Quanto espaço em si posso dizer-vos que é fascinante e não me importava nada de trabalhar lá, mas o melhor é verem as fotografias abaixo.

 

PS: Para verem outros "Ser Turista Na Minha Cidade" entrem aqui

ANIM-6389.jpg

ANIM-6395.jpg

ANIM-6398.jpg

ANIM-6404.jpg

ANIM-6407.jpg

ANIM-6412.jpg

ANIM-6414.jpg

ANIM-6420.jpg

ANIM-6426.jpg

ANIM-6430.jpg

ANIM-6433.jpg

 

ANIM-6439.jpg

ANIM-6444.jpg

ANIM-6450.jpg

ANIM-6454.jpg

ANIM-6459.jpg

ANIM-6461.jpg

ANIM-6463.jpg

ANIM-6465.jpg

ANIM-6469.jpg

ANIM-6477.jpg

ANIM-6480.jpg

ANIM-6482.jpg

ANIM-6487.jpg

ANIM-6488.jpg

Graziela

Fomos conhecer o Golf Spot

Restaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5665.jpg

Fotos: Graziela Costa captadas com a Canon 6D

 

Adoro quebrar regras e fazer um almoço mais composto durante a semana é um daqueles programas que eu adoro e aproveitando o facto do J. ter tirado um dia de férias, fomos experimentar o menu executivo do Golf Spot. Um restaurante situado no topo da Cidade Universitário, em Lisboa.

 

Com uma sala bem decorada e uma iluminação fantástica, o Golf Spot é um restaurante mais conhecido pelo sushi, mas como nem eu nem o J. somos fãs deste tipo de comida escolhemos pratos mais "comuns".

 

Começámos com um couvert composto por pão, azeitonas em azeite e alho e uma manteiga super macia. Seguiu-se um creme de legumes bem quentinho, que ajudou a saciar a fome que trazíamos. Para pratos principais escolhemos: Risotto de Farinheira Crocante, Uvas e Cebola Confitada, que além de um empratamento interessante era super saboroso, mas que a grande surpresa era a mistura agri doce entre a farinheira e as uvas e depois provámos uma lasanha vegetariana, que apesar de boa precisava de um pouco mais de bechamel ou molho de tomate para não se tornar tão seca.

 

Por fim as sobremesas: Brownie de Chocolate com Gelado de Baunilha e Framboesas, que tinha uma textura mousse fantástica e um nível de doçura ideal, e Tarte Merengada de Lima, talvez a melhor que comi até hoje, pois era saborosa e como não era muito doce, não se tornava enjoativa.

 

Para terminar café e um carioca de limão porque eu já não consigo acabar uma refeição sem um cházinho. 

 

Em termos de preços, posso dizer-vos que não é um menu barato, pois custa 14,50€ por pessoa, mas é um daqueles menus para ocasiões especiais.

Restaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5671.jpg

Couvert

Restaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5673.jpg

Creme de legumesRestaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5680.jpg

Risotto de Farinheira Crocante, Uvas e Cebola Confitada

Restaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5679.jpg

Lasanha de legumes

Restaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5689.jpg

Brownie de Chocolate com Gelado de Baunilha e Framboesas

Restaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5694.jpg

Tarte Merengada de Lima

Restaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5697.jpg

O espaço super elegante

Restaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5706.jpg

Restaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5710.jpg

Restaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5713.jpg

Restaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5715.jpg

O bar

Restaurante_-Golf_Spot_Lisboa-5716.jpg

A vista para o campo de golf

Graziela

Ser Turista na minha cidade - Parte 45: Hippotrip

Hippotrip_Lisboa-5722.jpg

Fotos: Graziela Costa e Vitor360 captadas com a Canon 6D

 

Há muito tempo que não fazia um post para a rubrica "Ser Turista na minha Cidade", mas quando a Odisseias me convidou para ir andar Hippotrip pensei logo: "aqui está a oportunidade perfeita para voltar à escrita". Assim, numa destas tardes eu e mais alguns bloggers e personalidades públicas fomos dar uma mini voltinha de neste veículo anfíbio.

 

A excitação era muita, pois há muito que queria andar de Hippotrip, mas confesso que naquele momento em que ele "mergulha" para o rio senti um bocadinho de medo, mas depois foi só deixar-me levar e aproveitar a paisagem, até porque o pôr do sol naquele dia estava lindo. Pelo meio fomos tendo algumas explicações turísticas do nosso divertido guia que volta não volta  nos punha a gritar como um grupo de turistas chineses, mas acreditem foi muito divertido e abriu-me o "apetite" para fazer um passeio completo, visto que este foi apenas um percurso de amostra.

 

Para quem também quiser partir à aventura no Hippotrip recomendo-vos uma vista de olhos no site da Odisseias, pois eles têm este tipo de experiência a preços mais convidativos. Ah e não se esqueçam de levar cachecol, luvas e gorro porque já faz frio. ;)

 

PS: Para verem outros "Ser Turista Na Minha Cidade" entrem aqui

Hippotrip_Lisboa-5730.jpg

Hippotrip_Lisboa-5737.jpg

Hippotrip_Lisboa-5738.jpg

Hippotrip_Lisboa-5741.jpg

Hippotrip_Lisboa-5746.jpg

Hippotrip_Lisboa-5750.jpg

Hippotrip_Lisboa-5761.jpg

Hippotrip_Lisboa-5752.jpg

Hippotrip_Lisboa-5758.jpg

Hippotrip_Lisboa-5764.jpg

Hippotrip_Lisboa-5767.jpg

Hippotrip_Lisboa-5772.jpg

Hippotrip_Lisboa-5776.jpg

Hippotrip_Lisboa-5777.jpg

Hippotrip_Lisboa-5785.jpg

Hippotrip_Lisboa-5798.jpg

Hippotrip_Lisboa-5793.jpg

Hippotrip_Lisboa-5801.jpg

Graziela

Ser turista na minha cidade - Parte 44: Museu Nacional da Música

Museu_da_Musica_Lisboa-0167.jpg

Fotos: Graziela Costa

 

Sempre ouvi dizer que debaixo do metropolitano de Lisboa existem grandes "tesouros" e é verdade, pois na estação do Alto dos Moinhos temos um: o Museu Nacional da Música. Um local onde podem conhecer diversos instrumentos musicais, e dos sopros, às cordas passando pelo piano podem encontrar aqui autênticas obras de arte. Eu estive lá um dia destes e fiquei encantada, por isso partilho convosco algumas fotografias da minha visita.

 

Se também quiserem visitar este museu podem fazê-lo de segunda a sábado das 10h às 18h. A entrada custa 3€, mas se forem no primeiro domingo do mês ou apresentarem a declaração do centro de emprego é grátis.

 

PS: Para verem outros "Ser Turista Na Minha Cidade" entrem aqui
Museu_da_Musica_Lisboa-0170.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0172.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0173.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0175.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0180.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0181.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0182.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0183.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0185.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0187.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0190.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0191.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0194.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0196.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0200.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0201.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0204.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0208.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0211.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0212.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0214.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0217.jpg

Museu_da_Musica_Lisboa-0221.jpg

 

Graziela

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.