Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vida de Desempregada

Um blogue de lifestyle para todos os orçamentos!

De visita à Adega Mayor

Campo_Maior_Originais-2-2.jpg

Fotos: Graziela Costa

 

Desde pequena que adoro a época das vindimas e apesar da vinha dos meus bisavós ser pequenina, o feitor conseguia sempre fazer alguns litros de vinho. Para os adultos era um consolo, no entanto, o que me dava mais gozo naquela altura era mesmo roubar uns cachos de uvas. Por isso, quando a Adega Mayor me convidou para ir conhecer os mistérios do vinho fiquei bastante curiosa. Primeiro, porque o edifício da Adega é uma obra arquitetónica única (o projeto é do arquiteto Álvaro Siza Vieira) e depois porque é incrível como em 10 anos este projeto já uma referência no mercado dos vinhos nacionais. Assim, com o objetivo de conhecer melhor este projeto, eu e mais algumas bloggers rumámos a Campo Maior para um fim de semana bem divertido. 

 

Na herdade o dia começa bem cedo e apesar da vindima em si já ter sido feita (este ano esteve muito calor e como a vindima é feita à mão teve de ser feita mais cedo), ainda conseguimos ver alguns cachos nas vinhas. Depois de vistos aqueles campos espetaculares fomos então para a adega e lá vimos o processo de separação das uvas (eles têm diversas castas na herdade), o local onde é feito o armazenamento do vinho, o laboratório onde são realizados os controlos de qualidade e no final ainda fizemos uma prova de vinhos onde pudemos provar os diversos produtos desenvolvidos pela Adega Mayor

 

Caiado, Monte Mayor, Solista, Reserva do Comendador e o Pai Chão foram algumas das gamas que provámos nesta prova, que nos levou a descobrir novos aromas através do cheiro e do paladar, algo que nunca tinha feito, mas que achei deveras interessante.

 

Mesmo ao pé da Adega Mayor encontra-se o Centro de Ciência do Café e nós também tivemos oportunidade de o visitar, mas dele falarei noutro post.

 

Para quem quiser visitar a Adega Mayor, pode fazê-lo de segunda a sábado através de marcação (para mais informações consultem este site).

Campo_Maior_Originais-2.jpg

As vinhasCampo_Maior_Originais-001192.jpg

Campo_Maior_Originais-000996.jpg

Campo_Maior_Originais-000999.jpg

Campo_Maior_Originais-001004.jpg

A separação da uvaCampo_Maior_Originais-001008.jpg

Campo_Maior_Originais-001010.jpg

Campo_Maior_Originais-001014.jpg

As pipasCampo_Maior_Originais-001018.jpg

As garrafas mais antigasCampo_Maior_Originais-001021.jpg

Campo_Maior_Originais-001041.jpg

Campo_Maior_Originais-001045.jpgOs primeiros produtos desenvolvidos pela Adega Mayor

Campo_Maior_Originais-001062.jpg

Campo_Maior_Originais-001065.jpg

O laboratórioCampo_Maior_Originais-001066.jpg

Campo_Maior_Originais-001071.jpg

As uvasCampo_Maior_Originais-001072.jpg

O mostoCampo_Maior_Originais-001082.jpg

Campo_Maior_Originais-001125.jpg

O terraço da Adega é fantástico para apanhar banhos de sol e a vista é incrívelCampo_Maior_Originais-001110.jpg

Campo_Maior_Originais-001102.jpg

Campo_Maior_Originais-001118.jpg

Campo_Maior_Originais-001142.jpg

A prova de vinhosCampo_Maior_Originais-001155.jpg

As tapasCampo_Maior_Originais-001162.jpg

Campo_Maior_Originais-001163.jpg

Campo_Maior_Originais-001168.jpgO produto final

Graziela

Mateus Rosé Sailing Experience

Mateus_Rose_Pequenas-2027000010.jpg

Fotos: Graziela Costa | Ana Correia | Joana Cardoso

 

Há pessoas que dizem que o nosso dia de anos é o mais "sortudo" do ano e este ano posso dizer mesmo que foi, pois estive rodeada de amigos, fui a duas festas e quando estava a ver o e-mail, qual não foi o meu espanto quando vi um convite para ir à Mateus Rosé Sailing Cup. Claro que, nem pensei duas vezes e aceitei logo. 

 

O pior ia ser mesmo acordar às 5h30 da manhã para ir para o aeroporto, mas eufórica como estava já sabia que mal ia dormir, por isso foi na boa. Chegada ao aeroporto lá estavam as minhas "companheiras" de fim de semana, o avião e o meu nervoso miudinho, mas lá me aguentei, até porque a viagem foi curtinha.

 

Assim que chegámos ao Porto fomos directas para o The Bird, um café super amoroso onde tomámos pequeno almoço. Nunca lá tinha ido, mas adorei a decoração feminina do espaço, o jardim e a comida deliciosa. A seguir fomos para a Marina da Afurada, onde tivemos um pequeno briefing antes de irmos para os barcos.

 

Depois disso, seguiu-se uma das melhores experiências que tive até hoje: fiz vela e não caí do barco (vá houve lá uma altura que pensei que ia mesmo cair ehehe), mas olhem que a adrenalina esteve ao rubro porque não pudemos estar paradas um minuto. Tanto que a meio da viagem vieram trazer-nos mantimentos: Mateus Rosé fresquinho e uma tosta mista acabadinha de fazer. Nhami!

 

Finalizada a corrida era tempo de nos prepararmos para a Mateus Rosé Sailing Cup Party, por isso fomos para o hotel. E mal entrei no meu quarto pensei "estou num filme" e o que se seguiu foi mesmo aquela cena da miúda a mandar-se para cima da cama e a comer os chocolates que estavam em cima da mesa à espera de serem "devorados". Ahahah

 

Não fosse saber que tinha as minhas colegas e a festa à espera e tinha ficado ali a aproveitar o ambiente, mas festa é festa e não podia perder a oportunidade de experimentar os fantásticos cocktails que se podem fazer com Mateus Rosé, dançar, sentir o pôr do sol a aquecer-me a cara e pensar "sou mesmo sortuda"!

 

Com o ventinho a começar a tornar-se forte deixámos a festa e fomos para o Clérigos, restaurante onde provei um belo risotto de cogumelos, ri e conheci pessoas que até hoje só tinha falado pela internet.

 

No final, ficam as boas memórias e um novo hábito: beber Mateus Rosé com os meus amigos e brindar para que ainda tenhamos muitos momentos felizes!

Mateus_Rose_Pequenas-2041000024.jpg

Pequeno almoço no The Bird

Mateus_Rose_Pequenas-2052000035.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2061000044.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2063000046.jpg

graziela mateus rose-4108.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2065000048.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2074000057.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2081000064.jpg

Os detalhes fofinhosMateus_Rose_Pequenas-2090000073.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2099000082.jpg

A Marina da Afurada (Gaia) local de onde partiu esta regataMateus_Rose_Pequenas-132734.jpg

Vamos lá à aventura!Mateus_Rose_Pequenas-143624.jpg

A bebida perfeita para esta regata, um Mateus Rosé bem geladinho.Mateus_Rose_Pequenas-145114.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-145853.jpg

Omg nem acredito que fiz vela!Mateus_Rose_Pequenas-150554.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2105000088.jpg

O hotel
Mateus_Rose_Pequenas-2033000016.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2110000093.jpg

O meu fantástico quarto no Hotel Eurostars Porto DouroMateus_Rose_Pequenas-2114000097.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2117000100.jpg

Ser recebida assim Mateus_Rose_Pequenas-2124000107.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2142000125.jpg

MiminhosMateus_Rose_Pequenas-092307.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-092329.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2151000134.jpg

 A vista do meu quarto

Mateus_Rose_Pequenas-2100000083.jpg

A festa!Mateus_Rose_Pequenas-2103000086.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-204310.jpg

Um brinde a vós!

Mateus_Rose_Pequenas-204509.jpg

E um brinde a nós!Mateus_Rose_Pequenas-210711.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-203708.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2175000158.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2179000162.jpg

Mateus_Rose-2163000146.jpg

O look para a Mateus Rosé Sailing Cup PartyMateus_Rose-2169000152.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2181000164.jpg

O jantar no Clérigos

Mateus_Rose_Pequenas-2187000170.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2193000176.jpg

Mateus_Rose_Pequenas-2194000177.jpg

Risotto de cogumelos, nhami!Mateus_Rose_Pequenas-2198000181.jpg

A sobremesa

Mateus_Rose_Pequenas-2208000191.jpg

 Com uma vista assim nem dava vontade de ir dormir

Mateus_Rose_Pequenas-2158000141.jpg

 A sala do pequeno almoço

Mateus_Rose_Pequenas-125303.jpg

A hora da despedida 

 Por último, partilho um vídeo desta nossa experiência. 

Graziela

Fui aos Açores!

Terceira_2015_Pequenas-51.JPG

Zona Balnear das Cinco Ribeiras

Fotos: Graziela Costa

 

Quando em dezembro de 2014, a minha melhor amiga, a Carolina (a par da Tatiana, não penses que me esqueço de ti) foi pedida em casamento foi grande festa! Ela ia ser a primeira do grupo a casar e eu estava em pulgas, mas até se decidir quanto à data e local do "casório" passaram meses e só lá para meados de maio é que eles me disseram que o casamento ia ser em outubro, nos Açores. 

 

Face esse cenário comecei logo a falar com a minha chefe sobre tirar uns dias para ir ao casamento, mas a confusão foi tanta que acabei por marcar apenas os meus dias de férias "normais", os quais usei para ir a Paris e a Amesterdão, a ida aos Açores ficaria para mais tarde.

 

Entretanto, quando voltei de férias comunicaram-me que não iam renovar o meu contrato e para além de ficar super triste por voltar a ficar desempregada fiquei a pensar "e agora como é que eu vou ao casamento, já que não tenho direito a subsídio de desemprego?". Andei ali um mês a pensar na minha vida, mas depois de a Carolina me convidar para madrinha e de pensar "pá, se fosse eu ela também ia lá estar!" esqueci o dinheiro e comprei a viagem para os Açores. Aliás, ia ser um dois em um, isto é, ia ao casamento e mesmo que ainda estivesse desempregada ia "curar" a depressão em grande estilo.

 

Mais tarde comecei a ir a entrevistas de emprego e naquela onde viria a ficar mencionei que tinha uma condicionante, tinha uma viagem para os Açores já marcada, mas felizmente eles não puseram entraves (vale sempre a pena sermos honestos em tudo o que fazemos) e no dia 30 de setembro embarquei com o meu namorado rumo à Terceira.

 

À minha espera estava o casal mais fofo de sempre (Luís e Carolina), a quem tenho de agradecer pois foram incansáveis ao mostrarem-nos tudo e mais alguma coisa!

 

Sobre a minha viagem à Terceira tenho a dizer que adorei revisitar e descobrir locais que ainda não conhecia, alugar um carro com o meu namorado e partir à aventura, experimentar comida nova e acima de tudo sentir-me livre!

 

É engraçado que quando era mais nova não ligava muito a viagens, mas agora cada vez gosto mais de conhecer novos locais, provar novos pratos e conhecer pessoas novas. Viajar é renascer e eu adorei esta experiência!

 

Agora, partilho convosco algumas das fotos que tirei durante a viagem e em breve partilho também um post com o "Casamento da minha melhor amiga", um dos eventos que me deu mais gozo fotografar até hoje e prometo que até mostro o meu outfit.

 

Terceira_2015_Pequenas-9.JPG

Terceira_2015_Pequenas-14.JPG

Farol Ponta da SerretaTerceira_2015_Pequenas-17.JPG

Terceira_2015_Pequenas-24.JPG

Terceira_2015_Pequenas-25.JPG

Terceira_2015_Pequenas-26.JPG

Terceira_2015_Pequenas-27.JPG

Terceira_2015_Pequenas-29.JPG

Terceira_2015_Pequenas-30.JPG

Terceira_2015_Pequenas-31.JPG

Terceira_2015_Pequenas-32.JPG

Terceira_2015_Pequenas-37.JPG

Algar do Carvão

Terceira_2015_Pequenas-39.JPG

Terceira_2015_Pequenas-2.JPG

Terceira_2015_Pequenas-5.JPG

Visita ao Queijo Vaquinha para experimentar uma sandes e os novos iogurtesTerceira_2015_Pequenas-10.JPG

Terceira_2015_Pequenas-23.JPG

Serreta

Terceira_2015_Pequenas-52.JPG

Terceira_2015_Pequenas-53.JPG

Forte de São Sebastião e a vista para o Ilhéu das Cabras

Terceira_2015_Pequenas-57.JPG

Porto de Angra do Heroísmo

Terceira_2015_Pequenas-125.JPG

Angra do Heroísmo

Terceira_2015_Pequenas-64.JPG

Praia da Vitória

Terceira_2015_Pequenas-69.JPG

Terceira_2015_Pequenas-70.JPG

Base militar das Lajes

Terceira_2015_Pequenas-71.JPG

Terceira_2015_Pequenas-77.JPG

Terceira_2015_Pequenas-78.JPG

Um dos muitos Impérios da ilha Terceira

Terceira_2015_Pequenas-96.JPG

Terceira_2015_Pequenas-99.JPG

Viveiro da Falca

Terceira_2015_Pequenas-101.JPG

Terceira_2015_Sem_Marca-6.JPG

Terceira_2015_Pequenas-79.JPG

Terceira_2015_Pequenas-83.JPG

Terceira_2015_Pequenas-88.JPG

Zona balnear das Quatro Ribeiras

Terceira_2015_Pequenas-90.JPG

Terceira_2015_Pequenas-91.JPG

Abismo na zona balnear dos Biscoitos

Terceira_2015_Pequenas-109.JPG

Serra de Santa Bárbara

Terceira_2015_Sem_Marca-27.JPG

Monte BrasilTerceira_2015_Pequenas-135.JPG

Serra do Cume

Terceira_2015_Sem_Marca-31.JPG

Graziela

Fui de férias - Parte 1: Paris

_SAM4823-4.JPG

Fotos: Graziela Costa e João Pontes

 

Como sabem a minha carreira profissional como a de qualquer outra jovem da minha idade não tem sido muito estável, pelo que fazer férias é um pouco complicado. No entanto, em fevereiro deste ano arranjei emprego e todos os meses tentei colocar de parte um dinheirinho.

 

Como o meu contrato é de seis meses, em meados de abril avisaram-me que tinha de tirar férias até ao final do mesmo. Falei com o meu namorado, discutimos alguns destinos mediante as nossas poupanças e finalmente chegámos à conclusão que Paris e Amesterdão eram os ideiais porque, na primeira cidade podíamos ficar com os meus tios e poupávamos no alojamento e depois já podíamos gastar mais na segunda.

 

Os meus tios e primos vivem há quase 30 anos em França, mas apenas lá tinha ido uma vez e por umas horas, quando em 2008 ganhei uma viagem para o Europavox e o meu avião aterrava e partia de Paris. Na altura apenas vi as redondezas da casa deles: o Moulin Rouge, o Sacre Coeur e um pouco do bairro de Montmatre. Desta vez tirámos quatro dias: três para Paris e um para ir à Disney. 

 

No primeiro dia como apanhámos o avião muito cedo chegámos a França super cansados, pelo que andámos a passear apenas pelas redondezas, tanto que eu aproveitei para rever o Sacre Coeur, o Moulin Rouge e ver os Grands Boulevards, uns armazéns que eu tinha visto num filme e queria muito ver ao vivo. No segundo dia, os meus tios levaram-nos à festa dos imigrantes da Rádio Alfa e foi bastante engraçado porque até encontrei uma rapariga da minha terra.

 

Finalmente, no terceiro e último dia em Paris passeámos imenso e vimos o Arco do Triunfo, a Torre Eiffel, a Notre Dame, o Museu do Louvre (mas, só de fora porque precisamente nesse dia estava fechado), o Campus da Justiça, o Palais Royal, a Pont de Bir-Hakeim (onde filmaram o filme "A Origem"), fizemos um mini cruzeiro de barco (16 euros e podiamos andar o dia todo, pareceu-me bem em conta) e à noite fomos tomar um chá no café onde filmaram o "Fabuloso de Destino de Amelie Poulain".

 

Ainda assim e apesar de ter visto muita coisa sinto que Paris ainda tem muito por descobrir e gostava imenso de lá voltar para poder ver os fantásticos museus daquela cidade. Até lá partilho convosco a minha experiência e mais tarde a da Disneyland e Amesterdão.

 

Agora, deixo-vos algumas fotos da minha viagem, mas também podem ver o álbum completo na minha página de fotografia.

_SAM4824-5.JPG

_SAM4828-7.JPG

Grands Boulevards

_SAM4834-8.JPG

_SAM4835-9.JPG

_SAM4836-10.JPG

_SAM4841-12.JPG

_SAM4842-13.JPG

_SAM4844-14.JPG

_SAM4845-15.JPG

_SAM4851-16.JPG

_SAM4854-18.JPG

Sacre Coeur

_SAM4859-20.JPG

Montmatre

_SAM4870-23.JPG

Sacre Coeur

_SAM4907-27.JPG

_SAM4909-29.JPG

Festa da Rádio Alfa

_SAM4916-110.JPG

Boné: VIPortuguese | Óculos: Firmoo

_SAM4913-30.JPG

_SAM4939-34.JPG

Moulin Rouge

_SAM4971-36.JPG

Arco do Triunfo

_SAM4976-37.JPG

Torre Eiffel

_SAM4983-38.JPG

_SAM4985-39.JPG

_SAM4992-40.JPG

_SAM4997-41.JPG

_SAM5006-44.JPG

_SAM5018-47.JPG

_SAM5020-48.JPG

Pont de Bir-Hakeim (onde filmaram o filme "A Origem")

_SAM5023-49.JPG

_SAM5037-52.JPG

Tribunal de Paris

_SAM5042-53.JPG

Catedral de Notre Dame

_SAM5047-54.JPG

_SAM5064-58.JPG

_SAM5086-61.JPG

_SAM5092-62.JPG

_SAM5113-66.JPG

_SAM5128-71.JPG

Palais Royal

_SAM5137-72.JPG

_SAM5151-79.JPG

_SAM5184-86.JPG

_SAM5186-88.JPG

_SAM5254-96.JPG

_SAM5232-111.JPG

Óculos: Firmoo

_SAM5240-112.JPG

Camisa: SheInside

_SAM5265-97.JPG

Relógio: Sammydress

_SAM5267-98.JPG

_SAM5282-99.JPG

_SAM5306-100.JPG

_SAM5316-102.JPG

_SAM5159-81.JPG

Museu do Louvre

_SAM5321-103.JPG

_SAM5331-104.JPG

Ópera de Paris

_SAM5338-105.JPG

Café onde foi filmado o "Fabuloso de Destino de Amelie Poulain"

_SAM5348-107.JPG

Graziela

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.