Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

My Cherry Lips

Um blog sobre moda, beleza, comida e lifestyle, onde partilho convosco tudo o que gosto e que faz parte do meu dia a dia.

Sex | 08.05.20

Como assim não vamos ter festivais de verão?

Opinião pessoal

Concert_Concerto_LCD_Soundsystem_Festival_Vodafone_Paredes_de_Coura_Graziela_Costa-900x600.jpg

Foto: Graziela Costa

 

Quem me conhece pessoalmente ou me segue nas redes sociais e aqui no blog sabe que os concertos são uma parte muito importante na minha vida. São uma paixão, um vício ou o que lhe queiram chamar, mas o que é certo é que há 16 anos que vou a festivais de verão. Ora, eu tenho 32 anos, por isso isso é metade da minha vida. 

 

Na faculdade o meu horário era feito a pensar no trajeto de comboio Aveiro - Lisboa e vice versa para poder ver concertos sem faltar às aulas. Nas férias juntava e vendia tudo o que podia para ter dinheiro para ir aos festivais e mais tarde quando comecei a trabalhar, as minhas férias eram pensadas nas datas dos mesmos. Para além disso, conheci alguns dos meus melhores amigos nesses locais e muitos deles acabo mesmo por só ver nessas ocasiões. Assim, quando na quinta-feira passada, o Governo proibiu a realização de festivais de verão até 30 de setembro de 2020 literalmente caiu-me tudo. E sim, eu sei que realizar esse tipo de eventos estaria a pôr em risco a saúde de todos nós, mas por outro lado penso nos meus amigos músicos, nos meus amigos que trabalham em editoras, em promotoras de concertos e todas aquelas pessoas que trabalham para um evento desses acontecer. Sim, porque para nos divertirmos durante três ou quatro dias num festival de verão existe muito trabalho por trás. Trabalho de meses e às vezes de mais de um ano. Ou seja, quando digo que estou triste porque este ano não vamos ter festivais de verão penso que não só que não vou poder fotografar e ouvir os artistas que mais gosto, mas também nos meus amigos que ficaram sem trabalho. Penso naqueles que vão perder dinheiro porque compraram bilhetes e provavelmente em 2021 não vão poder ir aos eventos que sejam reagendados e mesmo que sejam, epá a vida é tão curta que sei lá se estamos aqui amanhã?

 

É engraçado como o raio do Covid-19 mudou a nossa vida em todos os aspetos, mas raios o que eu já não dava para poder ir ver e fotografar um concerto! 

Graziela

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.